PARÓQUIA SÃO GERALDO - SITE OFICIAL
  HOME   -   A PARÓQUIA   -   COORDENAÇÃO   -   JORNAL   -   MINISTÉRIOS   -   CONTATO
    COMUNIDADES   -   CASAMENTO   -   S.M.P.   -   PASTORAIS   -   FOTOS   -   NOTÍCIAS
  NOTÍCIAS | Fique ligado nas noticias da Paróquia São Geraldo
     
 
    Pastorais, movimentos e serviços diocesanos participam de manifestações contra as propostas de reforma das leis trabalhistas e Previdência Social
 
 

            

Na sexta feira dia 28 de abril de 2017 foram realizadas manifestações em todo Brasil contra as reforma das leis trabalhistas e previdência Social. E atendendo o clamor que veio dos movimentos sociais ligados as centrais sindicais, MST, MTST, partidos de oposição, a Igreja não poderia ficar de fora. Com adesão oficial da diocese de Itabira Cel. Fabriciano ao movimento a mesma foi representada pelo que tem de melhor, ou seja, o povo de Deus. Durante a caminhada foi feita a leitura da carta manifesto de Dom Marco Aurélio Gubiotti solidarizando com “o movimento e apoio contra as reformas propostas pelo Governo Federal, sobretudo quando se trata de tirar direitos adquiridos ou dificultar a vida de muitos brasileiros no futuro”.

Em Timóteo, a concentração foi na Praça 1º de maio, às 8h00, e em Coronel Fabriciano na Praça da prefeitura, às 10h00. Em seguida, os participantes de ambos os atos se juntaram em Ipatinga, no bairro Iguaçu, às 13h00 onde já se concentrava um publico bom. Recebidos com apitos e fogos de artifício, eles participam desse ato convocado pelas centrais sindicais de todo o Brasil contra as propostas de reforma das leis trabalhistas e da previdência feitas pelo governo federal.

Após palavras de ordem das lideranças presentes foi iniciada a caminhada rumo ao centro de Ipatinga com apoio da Policia Militar até a Praça 1º de maio onde encerrou o ato por volta das 17h00.

Movimentos sociais, sindicatos e partidos de oposição afirmam que os projetos de reformas retiram direitos dos trabalhadores ao alterar pontos da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) e endurecer as regras para conseguir a aposentadoria. Quem cala consente finalizam.

 

Vilton Cantarino Silva  - Pastoral da Comunicação.