Seja bem-vindo(a) ao Site da Paróquia São Geraldo

Acesse nossas Redes Sociais

Notícias

03/03 Notícias da Igreja Padre Rogério Augusto das neNves: novo bispo auxiliar para a Arquidiocese de São Paulo
Compartilhar

O Papa Francisco nomeou o padre Rogério Augusto das Neves como novo bispo auxiliar da arquidiocese de São Paulo. A nomeação atende ao pedido do arcebispo, cardeal Odilo Pedro Scherer, em vista do atendimento das necessidades pastorais da arquidiocese paulistana. A notícia foi anunciada pela Santa Sé nesta quinta-feira, 3 de março. Padre Rogério atua, desde 2015, como pároco da Paróquia Nossa Senhora da Soledade, em São José dos Campos (SP).

Padre Rogério Augusto das Neves nasceu em São José dos Campos (SP), em 30 de dezembro de 1966. Depois dos estudos primários e secundários em sua cidade natal, obteve o título de bacharel em Direito pelas Faculdades Integradas de São José dos Campos. Cumpriu os estudos de Filosofia no Instituto de Filosofia Santa Teresinha, na mesma cidade, e o de Teologia no Instituto Teológico Sagrado Coração de Jesus, em Taubaté. Obteve, depois da ordenação presbiteral, o título de mestre em Direito Canônico no Instituto de Direito Canônico “Pe. Dr. Giuseppe Benito Pegoraro”, em São Paulo, e de doutor, na Universidade Lateranense de Roma.

Sua ordenação sacerdotal foi em 3 de julho de 1999, sendo incardinado na diocese de São José dos Campos. Exerceu diversos ofícios na diocese, como vigário paroquial nas paróquias Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, São José e Coração de Jesus. Foi pároco na paróquia São Benedito e na paróquia São João Bosco; reitor do Seminário de Filosofia, no Instituto de Filosofia Santa Teresinha, em São José dos Campos, e, posteriormente, na Residência Pe. Rodolfo Komórek, em Taubaté (SP). Também foi membro do Conselho de presbíteros e do Colégio de Consultores; defensor do vínculo; e, posteriormente, juiz e vigário judicial adjunto no Tribunal Eclesiástico Interdiocesano de Aparecida (SP).

Atuou ainda como professor de Direito Canônico na Faculdade Paulo VI, em Mogi das Cruzes (SP); na Faculdade Católica de São José dos Campos; na Faculdade Dehoniana, em Taubaté; no Centro Universitário Salesiano Pio XI e na Faculdade São Bento, ambos em São Paulo; e no Instituto Superior de Direito Canônico Santa Catarina, em Florianópolis.

O novo bispo auxiliar de São Paulo atuou também na função de assistente eclesiástico na União dos Juristas Católicos de São José dos Campos; foi presidente da Pastoral Judiciária da diocese de São José dos Campos e diretor espiritual do Grupo de Reflexão “Filhos no Céu”.

Em 2019, a Edições CNBB publicou um Vade-Mécum para os párocos a partir de um material produzido por padre Rogério Augusto, uma coletânea de textos do Código de Direito Canônico e de outros documentos do Magistério da Igreja sobre o ofício do pároco.

Saudação da CNBB ao monsenhor Rogério Augusto das Neves

Estimado irmão monsenhor Rogério Augusto das Neves,

Recebemos com alegria e esperança a notícia de sua nomeação como novo bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo (SP). A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) está unida ao cardeal Odilo Pedro Scherer para o acolher no ministério episcopal e na esperada contribuição para o pastoreio da porção do povo de Deus naquela Igreja Particular.

Nossos votos de um ministério episcopal fecundo e profícuo somam-se à motivação para a caminhada sinodal aberta em nossa Igreja, por comunhão, participação e missão.

Assim nos ensina o Papa Francisco: “Fazer Sínodo significa caminhar pela mesma estrada, caminhar em conjunto. Fixemos Jesus, que na estrada primeiro encontra o homem rico, depois escuta as suas perguntas e, por fim, ajuda-o a discernir o que fazer para ter a vida eterna” (Homilia da Celebração Eucarística para a abertura do Sínodo sobre a Sinodalidade).

Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, seja protetora e companheira em sua jornada no episcopado.

Em Cristo,

Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo de Belo Horizonte (MG)
Presidente da CNBB

Dom Jaime Spengler
Arcebispo de Porto Alegre (RS)
Primeiro Vice-Presidente da CNBB

Dom Mário Antônio da Silva
Arcebispo eleito de Cuiabá (MT)
Segundo Vice-Presidente da CNBB

Dom Joel Portella Amado
Bispo auxiliar da arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ)
Secretário-geral da CNBB

Fonte: CNBB

VEJA TAMBÉM