Doutrina Social da Igreja

1 de fevereiro de 2019

Estamos vivendo um Novo Ciclo e vemos que é preciso estarmos atentos aos acontecimentos para que não nos deixemos moldar pelas forças que nos afastam do projeto do Reino de Deus. Assim sendo, queremos falar sobre a DOUTRINA SOCIAL DA IGREJA: A expressão “doutrina social da Igreja” designa o conjunto de orientações da Igreja Católica para os temas sociais. Ela reúne os pronunciamentos do magistério católico sobre tudo que implica a presença do homem na sociedade e no contexto internacional. Trata-se de uma reflexão feita à luz da fé e da tradição eclesial.

A função da doutrina social é o anúncio de uma visão global do homem e da humanidade e a denúncia do pecado de injustiça e de violência que de vários modos atravessa a sociedade.
Sendo assim, não é uma ideologia, nem se confunde com as várias doutrinas políticas construídas pelo homem. Ela poderá encontrar pontos de concordância com as diversas ideologias e doutrinas políticas quando estas buscam a verdade e a construção do bem comum, mas irá denunciá-las sempre que se afastarem destes ideais.

A Doutrina Social da Igreja “situa-se no cruzamento da vida e da consciência cristã com as situações do mundo e exprime-se nos esforços que indivíduos, famílias, agentes culturais e sociais, políticos e homens de Estado realizam para lhe dar forma e aplicação na história” (João Paulo II, Carta encicl. Centesimusannus, 59).

Com sua doutrina social, a Igreja não quer impor-se à sociedade, mas sim fornecer critérios de discernimento para a orientação e formação das consciências. Nesta perspectiva, a doutrina social cumpre uma função de anúncio de uma visão global do homem e da humanidade, e também de denúncia do pecado de injustiça e de violência que de vários modos atravessa a sociedade (Compêndio da Doutrina Social da Igreja – CDSI –, 81). Não entra em aspectos técnicos nem se apresenta como uma terceira via para substituir sistemas políticos ou econômicos.

Seu propósito é religioso, sendo matéria do campo da teologia moral. Sua finalidade é interpretar as realidades da existência do homem, examinando a sua conformidade com as linhas do ensinamento do Evangelho. É uma doutrina dirigida em especial a cada cristão que assume responsabilidades sociais, para que atue com justiça e caridade. Ou seja, visa a orientar o comportamento cristão.

A CF de 2019, que tem como Tema: FRATERNIDADE E POLÍTICAS PÚBLICAS, vai nos ajudar a entender melhor a Doutrina Social da Igreja, pois levará a cada um de nós a perceber como estamos agindo enquanto Cristãos que querem ser protagonistas na Construção do Reino de Deus. O objetivo da Campanha da Fraternidade é “estimular a participação em políticas públicas, à luz da Palavra de Deus e da Doutrina Social da Igreja, para fortalecer a cidadania e o bem comum, sinais de fraternidade”.

Muitas bênçãos de Deus!

Contamos com a intercessão de N. S. Aparecida e São Geraldo! Rezem por nós!

Pe. Hideraldo Veríssimo Vieira – Pároco
Pe. Sérgio Henrique Gonçalves – Vigário Paroquial

FacebookWhatsAppTwitter

Veja também