Festa de Nossa Senhora das Dores

15 de setembro de 2021

Neste dia 15 de setembro, a Igreja Católica celebra a Festa de Nossa Senhora das Dores, cuja devoção teve início no século XIII na Itália com os Servitas, religiosos da Companhia de Maria Dolorosa. Com fundamentos bíblicos, essa devoção nos convida a contemplação das sete dores de Maria descritas nos evangelhos: a profecia de Simeão quanto a espada de dor no seu Coração Imaculado, a fuga para o Egito, a perda do Menino Jesus, a Paixão do Senhor, crucificação, e a morte e sepultura de Jesus Cristo.

Pensar nas dores de Maria é fazer memória de sua participação direta de Maria no mistério da redenção, pois ela em tudo cooperou para que Jesus pudesse cumprir seu projeto de salvação. Pensar nas dores de Maria nos leva a refletir que se ela não morreu de dor foi porque uma força divina a sustentou, e que por nossa vez precisamos aprender a crer e orar em meio ao sofrimento, e a como Nossa Senhora suportar todas as dores com dignidade e resignação, pois Deus jamais nos permitirá um fardo que não podemos suportar.

A oração da Salve-Rainha bem define que nós vivemos num vale de lágrimas, pois de fato grandes são as tribulações que assolam à Igreja e às nossas famílias. Contudo, os filhos de Maria têm para onde correr, podem e devem se refugiar no seu Imaculado Coração, e estes também têm em quem se espelhar, pois Nossa Senhora é aquela cuja a dor não venceu sua oração.

Neste dia, à exemplo de Maria, pedimos ao Senhor que nos dê a graça de nos parecer um pouco com a nossa Mãe do céu. Que diante das perdas, enfermidades, incompreensões e demais tragédias, que estejamos de pé ou ao menos de joelhos como ela esteve no calvário.

Rezemos: “Caminhaste até o calvário com teu filho, te convido a caminhar também comigo. Ó mãe, levanta-me do chão, acolhe-me em teus braços, intercede pelas lutas do meu coração. Ó mãe, carrega-me em teu colo, educa-me como educaste o Cristo, pra que eu possa entender que o calvário me ensinará a viver”. Nossa Senhora das Dores, rogai por nós!

FacebookWhatsAppTwitter

Veja também